Ads Top

Warner Bros não lista trailer do Blu-ray de Snyder Cut e comete erro de grafia na versão nacional


A Warner Bros. deixou o trailer do lançamento do Blu-ray de Snyder Cut como não listado em seu canal oficial no YouTube. E sua versão, no Brasil, chegou com erro de grafia.

A Warner Bros. deixou o trailer do lançamento em Blu-ray de Liga da Justiça de Zack Snyder como não listado em seu canal oficial no YouTube. Como todos sabem, Zack Snyder deixou a produção do filme, em 2017, devido a uma tragédia familiar. Joss Whedon foi contratado para concluir o filme e, ao fazê-lo, mudou praticamente tudo sobre a visão de Snyder. O lançamento do filme, que hoje é conhecido como Josstice League (Liga da Josstiça), não foi o único problema, após diversos relatos problemáticos sobre os bastidores quando Whedon assumiu o posto de diretor, foram cruciais para marcar de maneira negativa o primeiro filme da maior equipe de super-heróis da DC Comics.

Assim que o filme foi lançado em 2017, petições e campanhas foram feitas para que o estúdio lançassem a verdadeira versão do diretor. Raramente esse tipo de campanha promovida por fãs ganha atenção dos estúdios, mas o movimento #ReleaseTheSnyderCut alcançou feitos inimagináveis, levando ao estúdio financiar a tão sonhada versão de Snyder para Liga da Justiça. O filme teve seu lançado no início deste ano, pela HBO Max, com um corte de quatro horas mundialmente elogiado como superior ao corte de 2017.

O que levou os fãs a continuarem na campanha para o estúdio dar continuação em restaurar os planos de Snyder, para o Universo de heróis. A WB/DC Films não demonstrou interesse, chegando a falar isso em público, mostrando que a Era Snyder havia acabado. Independentemente disso, a Liga da Justiça de Zack Snyder foi um sucesso, e Snyder anunciou meses depois que seu filme seria lançado em Blu-ray.

Em circunstâncias que só podem ser descritas como bizarras, a WB deixou o trailer promocional do lançamento em Blu-ray, de Liga da Justiça de Zack Snyder como não listado em seu canal oficial no YouTube. (Até o momento da finalização desse artigo ele encontra-se assim). Para quem não está familiarizado como funciona o YouTube, os vídeos podem ser públicos, privados ou não listados, o último significando que podem só ser assistidos se outras pessoas compartilharem o link, logo, o vídeo não aparecerá por meio do algoritmo, feeds ou notificação. O vídeo foi postado há mais de duas semanas e atraiu um pouco mais de 80 mil visualizações graças aos fãs leais do Snyderverso. Assista, curta, comente e compartilhe abaixo:


Caso não seja óbvio, a WB não tornar este trailer público é um indicador claro de que os executivos querem que as pessoas esqueçam Snyder Cut. É importante notar que a mesma conta do YouTube postou um trailer público em 4K de Josstice League pouco depois da estreia de Liga da Justiça de Zack Snyder, um movimento que foi recebido com duras críticas. É justo dizer que a WB não se saiu bem no tribunal da opinião pública nos últimos anos, especialmente em relação à forma como lidou com o DCEU. Dito isso, a relação entre Warner e Snyder está encalhada e, compreensivelmente, o estúdio quer evitar polêmica em torno de Liga da Justiça. No entanto, por que investir no corte de um trailer, produzi-lo e depois não promovê-lo? As cópias parecem estar vendendo bem de qualquer maneira.

Aqui no Brasil o lançamento também teve seus percalços, à medida que os fãs começaram a recebê-lo, notaram um grotesco erro de falta de revisão justo no NOME DO DIRETOR. O erro de digitação está na luva, capa, lombada e nos dois discos: Zack SYnder's Justice League. O erro encontra-se na letra menor e apesar de não comprometer a reprodução do disco, mostra um certo descuidado com uma mídia que vem sendo sucesso no mundo inteiro, inclusive sendo uma das maiores pré-vendas dos últimos anos, no Brasil. Outro erro apontado pelos fãs foi a repetição da palavra "Universo Universo DC", na contra capa do Blu-ray


Entramos em contato com a Solutions 2 Go, responsável pela distribuição da mídia no Brasil, mas até o fechamento da matéria não tivemos um posicionamento. Porém, através do Blog do Jotacê tivemos a informação que a distribuidora relatou a eles que não fará recall da edição, e que só fariam se os usuários estivessem com problemas no conteúdo das mídias.

A maneira como a WB está lidando com o Corte de Snyder está cada vez mais estranha. O próprio Snyder disse que o estúdio tem sido agressivamente anti-Snyder, a Liga da Justiça de Zack Snyder parece ser o fim do caminho para o Snyderverso, ao menos é assim que a WB quer que vejamos. E, apesar do lançamento físico ser uma ótima maneira dos fãs levarem para casa um pedaço da história cinematográfica, ao que tudo indica a WB prefere que essa história seja esquecida.

Via: ScreenRant | Blog do Jotacê.

Andre Guilherme

É Andre, sem acento mesmo. Um viajante do Multiverso com Q.I elevado para Legos.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.